domingo, 1 de maio de 2011

Vontade dá e passa?

Eu, embora nascida e tendo morado por muitos anos em uma cidadezinha do interior do Ceará, sou a pessoa mais urbana que conheço. Acho que tenho conectividade direta com concreto, trânsito, caos... embora não orbigatoriamente goste ou concorde com eles.
Por esses dias, depois de voltar da semana santa na minha cidade, ando sentindo uma vontade louca de me enfurnar em algum lugar menos caótico. Não sei se pra estudar, pensar, conhecer, fugir, viver ou simplesmente passar o tempo. Só sei que ando alimentando a ideia de me enfunar no meio dos matos, da praia, da serra ou qualquer coisa longe do caos urbano.
Talvez amanhã mude de ideia. Quem sabe...
Beijos,
Laris!
No sertão do Ceará

3 comentários:

  1. Entendo essa vontade tua, acho que ela tem sido de muita gente também.

    E aí, como é que vai essa força? =)

    ResponderExcluir
  2. "Eu quero uma casa no campo onde eu possa compor muitos rocks rurais..." Eu também sinto isso amiga! A cidade tem um que de muita informação e de tudoaomesmotempoagora que ás vezes é bom parar só para escutar a respiração, o barulho do vento e do mar para, como diz a música, ter somente a certeza dos limites do corpo e nada mais...
    Beijão

    ResponderExcluir
  3. Aposto que essa vontade passou quando chegou a noite e não praticamente nada pra fazer em Cedro!
    e olhe que neste fds eu tava disposta a varar a madrugada bebendo contigo e pela primeira vez tu "deu pra traz"! eu não tava te reconhecendo!!!
    Bjos!!

    ResponderExcluir